Rindo da cara do recalque dando giro de Transalp
Sem cap na minha quebrada
E aquela gata da rua de trás que não me queria mais
Passei e ela tá pousada

Mandei uma no ragga que virou uma explosão
Inspirei os menor da favela a fazer canção
Se joguei de cabeça nesse louco mundão
Em busca do progresso pra contar o cifrão

Em meio à dificuldade encontrei uma oportunidade
De poder obter a melhora
Meta de pivete, sonho de moleque
Cantar e mandar uma rima na hora

Eu sonhei até virar realidade
Acreditei que o impossível ia se tornar verdade
Eu sonhei até virar realidade
Acreditei que o impossível ia se tornar verdade

Várias etapa maluca, mantive a conduta pra chegar no topo
Não pago pra filha da puta que me desmerece porque tenho troco
Vida sofrida e muito abatida, cansado de passar sufoco
Vida sofrida e muito abatida, cansado de passar sufoco

Eu sonhei até virar realidade
Acreditei que o impossível ia se tornar verdade, verdade
Eu sonhei até virar realidade
Acreditei, tô dando risada da cara dos falsidade

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir